24.2.10

Estou com pensamentos devassos.
Daqueles que tiram o sono e o fôlego.
Certos pensamentos que dão vontade de fazer um telefonema. Problema. Perigo!

Telefonemas de madrugada. Alívio ou desespero?
Já não sei dizer o que eu sinto. Quando fica inexplicável é porque surge sentimento. Isso me desespera muito mais. Sou humana, mas nessas horas espefícicas desejo ser mais seca, fria e menos mulher.

Preciso de uma ajuda.
Um colo.
Quero alguém.

Já me sinto perdida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário